OUÇA AO VIVO!
A VOZ DO BRASIL 21:00h às 22:00h
Tempo nublado 22° | Vilhena - RO   00:00:00 | 08 de Agosto
OUÇA AO VIVO
A VOZ DO BRASIL 21:00h às 22:00h
29/06/2022 15:35:01

Confúcio Moura defende mais recursos financeiros para melhorar o atendimento do SAMU

Durante a audiência pública extraordinária semipresencial da Comissão Mista de Planos, Orçamentos e Fiscalização (CMO) desta terça-feira (28), no Plenário 2 da Câmara dos Deputados, que debateu a necessidade de recomposição do financiamento tripartite do programa de Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), o senador Confúcio Moura (MDB-RO) afirmou que o SAMU possui um déficit de 60% das suas despesas correntes que precisam de ajustes urgente.

O senador Confúcio Moura que é relator setorial, ou seja, sub-relator de orçamento da saúde do Congresso em 2022, disse que a audiência foi extremamente importante e produtiva, e que ouvir todas as apresentações com os dados o enriqueceu muito. “Observei pelas explanações que o SAMU possui um déficit de 60% das suas despesas correntes que precisam de um incremento, uma vez que os valores  colocados no ano passado foram insuficientes. Vamos ver agora o desenrolar das proposições e verificar o que eu posso fazer no meu Relatório que será apresentado no final do ano”, enfatizou Confúcio Moura.

O Samu foi criado em 2003 e faz parte do Política Nacional de Urgências e Emergências e é financiado pelo Governo Federal, estados e municípios. A União entra com a maior parte (50%), conforme uma portaria do Ministério da Saúde, mas, devido à falta de reajuste percentual dos repasses (o último ocorreu em 2013), a participação dos estados e municípios no custeio do serviço subiu nos últimos anos.

 

Atualmente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) alcança 3,8 mil munícipios e conta com 3,6 mil ambulâncias, entre básicas e avançadas, além de motolâncias, ambulanchas e socorro médico por meio de transporte aeromédico.

 

Foto: Roque de Sá/Agência Senado

Fonte: Assessoria




Notícias Relacionadas

© todos os direitos reservados
Desenvolvido por Billtech