Sábado, 18 de Setembro de 2021

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » COVID–19: Após um ano do primeiro caso suspeito no município, Vilhena registrou ontem o pior dia na pandemia até o momento, com sete óbitos

COVID–19: Após um ano do primeiro caso suspeito no município, Vilhena registrou ontem o pior dia na pandemia até o momento, com sete óbitos

18 de Março de 2021

Vilhena registrou ontem sete novos óbitos, 39 novos casos positivos, 14 recuperados e 43 novos suspeitos. Dessa forma, Vilhena registrou até as 16h de ontem: 9.250 casos confirmados de vilhenenses, 3.013 vacinados com a 1ª dose e 1.683 vacinados com a 2ª dose, 149 óbitos de vilhenenses, 46 óbitos de moradores de fora e 134 atendimentos no Ambulatório Covid-19. Há atualmente no município 616 casos ativos de moradores de Vilhena, 163 casos suspeitos, bem como 8.481 já recuperados e 23 transferidos.

Quatro óbitos registrados ontem são de pacientes do sexo masculino de outros municípios, sendo um de Nova Brasilândia, com 65 anos, um de Seringueiras, com 47 anos, um de Comodoro (MT), com 67 anos, e um de Cerejeiras, com 36 anos. Outros três óbitos são de pacientes moradores de Vilhena, sendo dois do sexo feminino, com 57 e 75 anos, e um do sexo masculino, com 50 anos.

Leia o Plano Municipal de Vacinação Contra a Covid-19 “Vilhena Protegida” no link: https://bit.ly/planopmvcovid. A lista de vacinados está disponível no menu “Serviços” da página inicial do site da Prefeitura e será atualizada semanalmente.

Há 31 pacientes internados com covid-19 em isolamento na Central de Atendimento à Covid-19 e Hospital Regional de Vilhena, sendo 24 de Vilhena e sete de outras cidades: um de Colorado do Oeste, três de Cabixi, um de Ji-Paraná, um de Foz do Iguaçu (PR) e um de Governador Valadares (MG). Destes, 18 estão na UTI, sendo 15 intubados (nove do sexo masculino com 63, 78, 42, 48, 52, 72, 45, 35 e 76 anos e seis do sexo feminino com 26, 57, 19, 55, 61 e 60 anos) e três pacientes na UTI com ventilação não-invasiva do sexo masculino com 41, 46 e 59 anos. Nas Enfermarias há 13 pacientes: 10 do sexo masculino com 73, 53, 74, 49, 61, 51, 60, 53, 42 e 49 anos e três do sexo feminino com 58, 64 e 77 anos. A taxa de ocupação de leitos para covid-19 é de 68,8% (sendo 90% na UTI e 52% nas Enfermarias).

O Estado registrou até ontem 170,5 mil casos confirmados e 3.519 óbitos. No Brasil o número de casos confirmados já ultrapassou 11,700 milhões, com 285,1 mil mortes. No mundo são 121,803 milhões de casos confirmados e 2,691 milhões de mortes.

ATENDIMENTO - Pessoas que tenham sintomas ou se considerem suspeitas de ter covid-19 devem procurar o Ambulatório Covid-19, anexo ao CEV (Centro de Especialidades Vilhenense), na avenida Nadir Ereno Graebin, que funciona todos os dias, inclusive fins de semana e feriados, das 7h às 19h.

DECRETOS EM VIGOR - Decreto estadual (www.bit.ly/decretoestadual25859) e decreto municipal (www.bit.ly/decreto51978).

 

DENÚNCIAS - Denúncias de descumprimento de normas de Saúde podem ser feitas pelos números: 190 da Polícia Militar (24h) ou 3322-1936 da Vigilância Sanitária (7h às 17h30, de segunda a sexta-feira).

 

Foto: Reprodução

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

Compartilhe esta notícia
COVID–19: Após um ano do primeiro caso suspeito no município, Vilhena registrou ontem o pior dia na pandemia até o momento, com sete óbitos


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por