OUÇA AO VIVO!
COMANDO DA MADRUGADA 01:00h às 04:00h
Tempo nublado 14° | Vilhena - RO   00:00:00 | 10 de Agosto
OUÇA AO VIVO
COMANDO DA MADRUGADA 01:00h às 04:00h
13/06/2022 09:48:23

Maiara e Maraisa não podem mais usar a marca ‘As Patroas’. Entenda o motivo!

As irmãs Maiara e Maraisa não podem mais ser chamadas de “As Patroas”, projeto que foi criado com Marília Mendonça. De acordo com o colunista Lucas Pasin, a dupla está impedida pela justiça. Na decisão de Argemiro de Azevedo Dutra, juiz substituto, da 2ª Vara Empresarial de Salvador (BA), as cantoras não podem usar as marcas “A Patroa” ou “As Patroas” para qualquer finalidade, sob pena de multa de R$ 100 mil por utilização, seja em publicidades, eventos ou por meio físico e virtual.

A decisão judicial ocorreu depois que a cantora baiana Daisy Soares afirmou ser a proprietária da marca e foi reconhecida como tal. Ela alegou que se apresenta como “A Patroa” desde 2013, e com o sucesso da marca conseguiu junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial, o registro em 2017, sendo a legítima titular da marca.

A cantora baiana ainda revelou que chegou a entrar em contato com o empresário da falecida Marília Mendonça. Na ocasião, ele teria dito que usaria apenas para uma festa. Porém, o projeto ganhou outras proporções. Daisy afirmou que tentou um acordo de forma amigável, mas não conseguiu.

 

PROCESSADOS, DUPLA E ESCRITÓRIO DEVEM RECORRER

“As Patroas” se tornou uma marca registrada de Maiara e Maraisa e Marília Mendonça, principalmente após o lançamento do projeto “Patroas 35%”, em 2021.

Daisy Soares processou as artistas e o WorkShow, escritório responsável por elas. Contudo, “ainda não sofreram com uma sentença final e definitiva do processo na Justiça, e podem reverter a decisão”.

Até o fechamento desta reportagem, as cantoras e o escritório não haviam se pronunciaram sobre o assunto.

 

Foto: Divulgação

Fonte: O Fuxico




Notícias Relacionadas

© todos os direitos reservados
Desenvolvido por Billtech