Sexta-feira, 20 de Abril de 2018

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » Violência e mortes na BR–364 é debatida na Comissão de Direitos Humanos na capital

Violência e mortes na BR–364 é debatida na Comissão de Direitos Humanos na capital

23 de Março de 2017

A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, presidida pelo deputado Léo Moraes (PTB), deliberou na tarde desta quarta-feira (22) sobre a recomendação para se criar comissão mista para debater e lutar por melhorias na BR-364, que devido o péssimo estado de conservação, tem ceifado muitas vidas. Participaram da reunião também os deputados Jesuíno Boabaid (PMN) e Só na Bença (PMDB).

O deputado Só na Bença destacou as péssimas condições de trafegabilidade da BR-364, que devido à falta de conservação e manutenções mal executadas, faz com que muitos buracos surjam e com isso um grande número de acidentes.

Diante desta situação, o deputado Léo Moraes sugeriu que seja expedida recomendação para a criação de comissão integrada mista entre Assembleia, bancada federal e municipais para debater toda e qualquer ação referente à BR-364, que seria coordenada pelo deputado federal Nilton Capixaba (PTB-RO), como coordenador da bancada federal.

O deputado Jesuíno pediu para estender o pedido também para a BR-319, que devido às suas condições prejudica o fluxo e o comércio entre os Estados. “É somente para a recuperação da estrada. Não é autorizar a abertura de uma nova estrada, mas simplesmente recuperar a existente, asfaltando e construindo e recuperando pontes”, afirmou.

Foi proposto também, por Léo Moraes, para que o deputado Nilton Capixaba faça a articulação com a bancada do Amazonas para agilizar a obra. Só na Bença pediu para que a bancada do MT também seja envolvida, tendo em vista que o maior fluxo de carretas tem origem naquele Estado.

 

FONTE: Departamento de Comunicação da Assembleia Legislativa

Compartilhe esta notícia
Violência e mortes na BR–364 é debatida na Comissão de Direitos Humanos na capital


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por