Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » Natan decide não participar da sessão para se defender de cassação.

Natan decide não participar da sessão para se defender de cassação.

12 de Fevereiro de 2014

Apesar de ter recebido autorização da justiça para se defender em plenário, o deputado presidiário teria cogitado renunciar ao mandato, possivelmente para evitar a votação, mas, o presidente da Câmara, Henrique E. Alves, do mesmo partido político de Donadon (PMDB) continuou  afirmando que a sessão seria realizada mesmo que o deputado renunciasse ao mandado, devido o processo de cassação já ter sido iniciado.

Donadon responde a uma representação do PSB que pede a cassação por quebra de decoro parlamentar, já que o deputado cumpre pena de 13 anos de prisão por formação de quadrilha e pelo desvio de cerca de R$ 8 milhões da Assembleia Legislativa de Rondônia.

 

VOTO ABERTO

Será a segunda vez que o Plenário discute a cassação de Donadon, mas desta vez o processo terá o voto aberto. Em agosto do ano passado, com o voto secreto, os deputados preservaram o mandato de Donadon, mas os efeitos da sessão acabaram suspensos pelo Supremo Tribunal Federal.

Para um deputado ser cassado, são necessários 257 votos a favor da perda do mandato. Na primeira sessão sobre o caso do Donadon, foram 233 votos a favor da cassação (menos que o mínimo necessário), 131 votos contra e 41 abstenções.

 

Texto: Onda Sul de Rondônia / Agência Câmara

Foto: Divulgação

Compartilhe esta notícia
 Natan decide  não participar da sessão para se defender de cassação.


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por