Domingo, 24 de Junho de 2018

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » HERMÍNIO CONFESSA IDA A HOTEL DE SELVA EM MANAUS, MAS NEGA TER RECEBIDO DINHEIRO DE VALTER

HERMÍNIO CONFESSA IDA A HOTEL DE SELVA EM MANAUS, MAS NEGA TER RECEBIDO DINHEIRO DE VALTER

16 de Outubro de 2013

 Porto Velho, RO – O presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, deputado estadual Hermínio Coelho (PSD), confessou em entrevista ao site de notícias Tudo Rondônia  que foi um dos parlamentares refugiados num hotel de selva em Manaus. O fato ocorreu à época das eleições de mesa-diretora da ALE que acabou por eleger Valter Araújo como presidente da Casa de Leis, pouco antes do desencadear da operação Termópilas. 

Entretanto, negou que tivesse recebido dinheiro ou qualquer tipo de favorecimento para apoiar Valter. Sua ida teria sido apenas uma estratégia para se livrar do que denominou de ‘assédio do Governo’.

Hermínio deixou de explicar o porquê dessa necessidade, ou se não havia alternativa para fugir do suposto assédio do Governo aqui mesmo em Rondônia, sem gastar dinheiro ou levantar suspeitas. Usando uma explicação um tanto quando cômoda, passou a responsabilidade para seu antigo partido, hoje desafeto, PT. Disse que a responsabilidade é de sua legenda anterior por ter deliberado pelo apoio a Valter Araújo. 

– Não me aliei ao Valter. Apenas queria integrar a mesa por orientação partidária e entramos, eu e a deputada Epifânia – disse. 

O resultado da operação Termópilas demonstrou que vários deputados estaduais recebiam propina de Valter Araújo para que ele pudesse exercer seu mandato como presidente sem quaisquer empecilhos. A deputada Ana da Oito (PTdoB), por exemplo, pedia propina via mensagem SMS, diretamente encaminhada ao celular de Araújo. A parlamentar se referia ao dinheiro como ‘dim dim’.

 

Compartilhe esta notícia
HERMÍNIO CONFESSA IDA A HOTEL DE SELVA EM MANAUS, MAS NEGA TER RECEBIDO DINHEIRO DE VALTER


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por