Sexta-feira, 17 de Novembro de 2017

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » Sitiante acusado de matar esposa se apresenta na Delegacia e seguidamente é liberado

Sitiante acusado de matar esposa se apresenta na Delegacia e seguidamente é liberado

04 de Março de 2015

 No final da tarde de ontem, terça-feira, 03 de março se apresentou, sem o advogado de defesa na Delegacia de Polícia Civil de Vilhena, Adilson Caranhoto, 32 anos, conhecido como “Polaco’’, acusado de ser autor de matar a esposa na última segunda na zona rural de Vilhena. 


O acusado se dirigiu na companhia de seu filho, um menor de 11 anos. Adilson foi até a sala do delegado responsável pelo caso e relatou que o crime cometido contra sua esposa foi em legitima defesa. Segundo ele sua mulher teria consumido bebidas alcoólicas e depois passou a agredir seu filho. A criança teria corrido e Andréia correu atrás com uma faca na mão. 

Seguidamente Adilson pegou uma espingarda que estava na residência e disparou na altura do rosto da mulher. Segundo a versão do acusado a intenção não era matar a mulher, mas ele acabou cometendo o crime. 
O filho de Adilson foi ouvido pelo delegado e relatou sua versão a mesma que pai deu.

Após o crime o acusado foi até casado vizinho e disse que matou a mulher numa briga e depois se escondeu dentro da mata. 
Antes de completar 24 horas do crime, Adilson criou coragem e se apresentou. Após ser ouvido pelo delegado Adilson foi liberado e aguarda o inquérito em liberdade.

Por: Petter Vargas

 

Compartilhe esta notícia
Sitiante acusado de matar esposa se apresenta na Delegacia e seguidamente é liberado


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por