Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

Boa tarde!

00:00:00

Início » Notícias » A serpente quer parir

A serpente quer parir

17 de Fevereiro de 2014

Coluna Social por Osmar Silva – jornalista – sr.osmarsilva@gmail.com

A serpente está prenha. E não sabe quem é o pai. Cruzou com muitos e agora está sem saber com que cara eles vem. Sim, são muitos. Isso ela já sabe. Esses cruzamentos diversificados produzem filhotes estranhos. E a comunidade costuma rejeitá-los do convívio social pacífico. Mas tem quem não aprenda e continue desafiando regras consagradas. O histórico dos resultados dessas misturas, não tem sido positivo. Por esta razão a serpente está preocupada. Mas está prenha e só resta seguir adiante. Inconsequentemente.

A serpente precisa botar os ovos. Mas antes, precisa preparar o ninho. Ela está muito pesada e precisa de ajuda. Como não tem amigos, procurou inimigos. E não é que eles lhes estenderam as mãos! Oops!!! Desculpem, a ponta do rabo.

Essa alegoria demonstra a união do governador mais truculento, perseguidor e vingativo da história de Rondônia com suas ex-vítimas e agora, ao que tudo indica, parceiros na prenhez de atos engendrados com o objetivo de provocar o caos político em Rondônia.

Para obter um pouco da luz da mídia que os retire das sombras dos corredores dos tribunais de justiça, onde perambulam sob processos que rolam ameaçadores sobre suas cabeças, como se fossem a espada de Dâmocles, vale tudo. Inclusive manipular a opinião pública, juntar cobras e lagartos no mesmo saco e comprar setores da mídia dispostos e ávidos de dinheiro a qualquer preço.

As ações da Oposição anunciadas pela mídia neste final de semana e a serem deflagradas na abertura do ano legislativo, são os primeiros movimentos de arrumação do ninho para que a serpente possa parir o ovo da discórdia contra o desenvolvimento de Rondônia e as conquistas do seu povo.

Eles não aceitam que o cidadão de Rondônia tenha casa para morar, pois eles nunca precisaram construír nenhuma; que a saúde tenha saído do caos de 80% de reclamação, que eles deixaram, para 65% de satisfação construída com trabalho competente em favor da vida do povo que mais precisa.

Eles não aceitam que as estradas continuem possibilitando tráfego mesmo diante do maior inverno dos últimos cem anos: não aceitam que os salários continuam sendo pagos rigorosamente dentro do mês trabalhado. Eles não aceitam que Rondônia cresça a 7% todo ano desde de 2011. E não aceitam que o estado continue tendo mais emprego que mão de obra especializada para ocupá-los.

Eles não aceitam que Rondônia não tenha quebrado, como anunciaram e proclamaram por todos os recantos. Pois eles são os profetas do caos. Só se sentem bem e prosperam em terra arrasada. Por isso, querem quebrar, querem acabar, querem destruir Rondônia. É disso que a serpente está prenha e quer um ninho para parir os seus malditos ovos.

Você vai deixar? Vai ajudar? Cuidado! O filhote da serpente vai de devorar! 

 

Compartilhe esta notícia
A serpente quer parir


Onda Sul de Rondônia

Apoiamos causas contra a divulgação de materiais ilegais, caluniosos, danosos, abusivos, ameaçadores, discriminatórios, terroristas, vulgares, obscenos ou ainda condenáveis de qualquer tipo ou natureza que sejam prejudiciais a menores.
Onda Sul de Rondônia - Um noticiário a serviço da comunidade
Desenvolvido por Tecmarte & Guiaking © Copyright 2013 - Todos os diretos estão reservados
Site desenvolvido por